16 jul

19

A CAEM está realizando o seu I Festival de Bandas, que reuniu professores e alunos de várias partes do país. Foram duas diferentes categorias e os finalistas vão se apresentar no grande palco do VI Congresso CAEM que acontece em São Paulo neste mês de julho. E como a Michael acha importante incentivar e valorizar estes artistas, entramos como apoiadores para premiar os grandes vencedores com violões, ukuleles e guitarras. Além dos prêmios, vale lembrar que todos esses artistas ganham também reconhecimento e projeção, devido a credibilidade e tradição construída pela CAEM durante todos esses anos. Boa sorte a todos e e que essa final seja repleta de emoção!

Confira a lista dos finalistas:

19.162-MCH-e-festival-Caem---blog_02

12 jul

50ba55c8-779a-446e-b7a9-d1568c1b1703.jpg.640x360_q75_box-0,4,650,370_crop_detail

Um gênero um tanto quanto inovador que surgiu lá na década de 50, no Rio de Janeiro para movimentar a música brasileira e que mais tarde originou a MPB.  Já deu para imaginar que estamos falando da Bossa Nova, certo? Hoje, já popular em todo o mundo, a Bossa Nova veio conquistando as pessoas por seus ritmos derivados do samba com influências do jazz. Lançada e popularizada por grandes nomes da música como Tom Jobim, Vinícius de Moraes e o pai do estilo, João Gilberto, suas letras abordavam temas leves, atuais e claro, cheios de amor, como é o caso da música Chega de Saudade, Garota de Ipanema e Desafinado. É importante lembrar que graças a esse gênero, carreiras de artistas como Caetano Veloso, Chico Buarque e Gilberto Gil foram consolidadas e tiveram o devido reconhecimento. Hoje, o legado deixado por João, está principalmente, no ritmo, forma de cantar e tocar o violão. E neste vídeo, gravado em homenagem ao cantor, violonista e compositor que nos deixou na última semana, nossa artista Débora Ildêncio separou excelentes dicas de levadas de Bossa Nova, para você aprender e fazer no seu violão. Aqui ela utiliza o Michael Venetian Taurus VM681DT ST com cordas nylon que valoriza a tocabilidade da técnica.

Miniatura Levadas de Bossa Nova

05 jul

A Bachata é um gênero musical que tem dominado grandes hits do Sertanejo. Pensando nisso, a dupla Cleiton e Cleber explica como dominar essa levada e tocar os grandes sucessos!

A dupla esteve presente com a gente gravando tudo sobre o ritmo em nosso violão Michael Galaxy Flat VM225F Natural Brilhante . E o resultado você pode conferir diretamente aqui:

 

28 jun

 

O violão é um instrumento extremamente versátil, com variadas afinações que valorizam ainda mais o seu som.

Uma das mais usadas é a DADGAD, que apesar de ser uma afinação alternativa permite possibilidades de estudos e timbres diferenciados.

Com suas possibilidades de montagem de acordes com bastante cordas soltas a mesma produz um som profundo e encorpado e graves penetrantes.

Um dos pioneiros na utilização dessa afinação foi Davey Graham, violonista britânico de dos anos 1960. Mas outros grandes nomes da música como Paul, Jimmy Page e Andy Mckee utilizaram essa afinação.

Pensando nisso nossa Artista Débora Ildêncio preparou essa dica sobre o assunto. Então aperte o play!

 

Violão: Afinação DADGAD

Violão: Afinação DADGAD

 

 

Baixe o nosso pdf aqui:

Afinação – DADGAD

13 jun

 

 

O Make Music é um movimento mundial, que acontecerá de 16 a 22 de junho e será realizado em 1.000 cidades, em 150 países, proporcionando uma experiência única com a música através de aulas, shows e muito mais.

E é claro que a Michael não ficará de fora desse grande evento, faremos uma semana incrível especialmente pra você que tem os riffs, arpejos e grooves como grande paixão!

Nossos Artistas e Escolas Parceiras prepararam aulas, shows, para um momento de aprendizado, descontração  e interação através dessa bela arte que nos une: A Música!

Agenda Michael para o Make Music

Agenda Michael para o Make Music

 

07 jun

Novos Artistas Michael:

A banda ID2 é uma das principais bandas de rock cristã da atualidade. Em 2018 participaram do Troféu Louvemos, uma das premiações mais importantes do segmento e ganharam nas categorias: Melhor banda e Artista do ano.

A banda é formada pelo vocalista André Leite, com sua voz marcante, potência e técnica precisa, é um dos mais renomados cantores de rock no país. Antes do ID2 integrou bandas seculares e cristãs de prestígio internacional como a banda Iahweh. Também dividiu os palcos com nomes renomados da música católica como Rosa de Saron, Pe. Fábio de Melo, Guilherme de Sá, entre outros. Andinho e Guil trazem toda musicalidade e riffs marcantes para as canções através de suas guitarras, no contrabaixo Vinny e bateria Danilo Santos que completam o time com seus grooves precisos e toda pressão que um bom e autêntico rock pede. Os clipes da banda possuem milhões de visualizações no Youtube e se preparam para lançar novos trabalhos em 2019. Na Michael a banda ID2 representará o violão Michael Galaxy Folk VM925DT SS, guitarras HB Michael Jazz Action GM1159N, contrabaixo MB BM705N VS e bateria Michael Elevation DM853 MP.

ID2 agora é Michael!

31 mai

Jeison Coelho é músico, produtor, professor e drum coach. Iniciou sua carreira como baterista em 1988, com técnica precisa e muita versatilidade tocou em inúmeras bandas de diversos estilos musicais, além de participar de workshops com músicos renomados como: Albino Infantozzi, Cuca Teixeira, Lilian Carmona, Carlos Bala, entre outros. Gravou vários DVD´s e mais de 70 álbuns ao longo de sua carreira. Na Michael Jeison irá representar a bateria Michael Elevation na cor madrepérolas e também as Peles Michael by Remo.

Confira esse super vídeo do nosso novo batera! Aperte o play!

 

24 mai

 

 

 

Você já pensou em rearmonizar uma canção?

 

Imaginar a possibilidade de acrescentar outros acordes em uma música já composta parece algo difícil e pode gerar muita dúvidas, não é verdade? Mas você já pensou em deixar a música com a sua cara?

A técnica é um dos caminhos que permite trazer identidade para a sua interpretação, seja na música instrumental ou cantada.

De uma forma  sucinta rearmonizar é pegar uma canção e alterar sua harmonia mantendo sua melodia original.

As dúvidas de quais  caminhos seguir pode ser algo pertinente para quem nunca rearmonizou uma música.

Pensando nisso, nossa Artista Débora Ildêncio preparou uma super aula pra você que nunca fez uma rearmonização e não sabe como começar a aplicar a técnica. Então pegue seu violão, aperte o play e mãos na massa!

 

Rearmonização sem segredo

Rearmonização sem segredo

Rearmonização sem segredo com Débora Ildêncio

Rearmonização sem segredo com Débora Ildêncio

17 mai

Sabe aqueles solinhos que fazem toda diferença durante a música?

 

Essa técnica é chamada de clichê e pode ser usada em qualquer estilo musical e qualquer tonalidade, permitindo assim maior criatividade e identidade para a canção.

Em algumas músicas esses clichês já são esperados e já viraram marca registrada da canção como: Aonde quer que eu vá, Segundo Sol, entre outras.

Essas pequenas frases devem ser aplicadas durante a música enquanto o violonista faz a base e podem ser tocadas dentro do acordo ou durante as mudanças de um acordo para o outro.

O mais interessante da técnica é que você pode aplicar as mesmas notas de formas diferentes. Por exemplo, uma frase para o acorde de G maior, se você fizer as mesmas notas em estilos diferentes, como poderá inovar ou deixar com que sua métrica funcione em estilos tão diversos?

Uma opção é modificar a duração das notas, ou fazer a frase musical maior ou encurtá-la por exemplo, isso trará ainda mais versatilidade!

Pensando nisso, nossa Artista Débora Ildêncio preparou essa vídeo aula para que você comece a utilizar a técnica e tenha ainda mais personalidade no seu violão!

 

Confira!

10 mai

 

 

 

 

 

Tem aquele velho ditado que diz que “um raio não cai duas vezes no mesmo lugar”. Mas e quando o amor pela música e o talento passa de geração para geração, trazendo cantores e músicos incríveis na mesma família? Aproveitando o embalo do Dia das Mães, conheça algumas mães que são cantoras sensacionais e que influenciaram os filhos a seguirem os mesmos passos na carreira:

 

Cássia Eller e Chico Eller:

Cássia com seu jeito único e sucessos inesquecíveis, fez fãs apaixonados por todo Brasil durante toda a sua carreira, fazendo história na música brasileira e conquistando o seu lugar como uma das vozes mais marcantes de todos os tempos. Seu filho, Francisco, conhecido Chico Chico, acabou por herdar não somente seus traços físicos marcantes, mas também, o enorme talento musical da mãe.
Com uma voz de arrepiar e trejeitos que lembram Cássia, Chico vem conquistando um espaço na música nacional com seus projetos. Iniciou sua carreia aos 18 anos, no grupo Zarapatéu, lançou o álbum 2 x 0 Vargem Alta e hoje faz vários shows pelo país dividindo os palcos com João Mantuano. Vale super a pena conferir de perto os trabalhos do cantor.

Chico Eller (reprodução: YouTube

Chico Eller (reprodução: YouTube)

 

 

Baby do Brasil e Pedro Baby:

Baby do Brasil começou a fazer a sua história na música lá nos anos 70, com o grupo Os Novos Baianos, dono de vários sucessos. Quando o grupo se desfez, ela optou por seguir carreira solo. Baby é uma mãezona de 6 filhos, Sarah, Zabelê, Nana, Xaxá, Pedro e Pitito. Dentre eles, vários seguiram carreira musical. As três mulheres montaram o grupo SNZ. Pedro Baby também seguiu carreira de musicista. Desde o final da década de 90, Baby se encontrava afastada dos grandes palcos para se dedicar 100% à música Gospel. Sendo assim, Pedro Baby entrou na tarefa de convencê-la a voltar a cantar as músicas de seu repertório dos anos 70 e 80, o que conseguiu com muito êxito. Hoje em dia, Pedro acompanha os shows da Mãe tocando com ela.

Pedro Baby, Pepeu Gomes e Baby do Brasil (Crédito: Gabriel Quintão)

Pedro Baby, Pepeu Gomes e Baby do Brasil (Crédito: Gabriel Quintão)

 

 

 

Zizi e Luiza Possi

Com mais de 30 anos de carreira, Zizi Possi repassou o seu talento para sua filha, que desde pequena, frequenta os estúdios e backstages ao lado da mãe. Aos 18 anos, Luiza Possi lançou o seu primeiro álbum e iniciou a sua carreira musical. Além disso, Luiza e Zizi já dividiram os palcos por diversas vezes. Premiada e indicada à prêmios, a cantora também participou do The Voice como assistente do cantor Daniel,  foi apresentadora no programa Jovens Tardes, jurada especial do programa Popstar e Ídolos.

Luiza Possi (reprodução: Instagram)

Luiza Possi (reprodução: Instagram)

 

 

 

Rita Lee e Beto Lee

Que Rita Lee é a rainha do rock nacional e influenciou toda uma geração, todo mundo sabe. Agora, você sabia que seu filho Beto Lee é um talentoso guitarrista que segue os passos da mãe com a carreira musical? Beto integra a banda da mãe assumindo os solos de guitarra e arrebentando nos palcos.

Rita Lee e Beto Lee (reprodução: Instagram)

Rita Lee e Beto Lee (reprodução: Instagram)

 

 

 

Elis Regina e Maria Rita

A sempre saudosa e espetacular Elis Regina é um ícone da música brasileira. A cantora que encantou a todos com sua voz e sua interpretação, foi mãe de 3 filhos. E é claro, o seu talento também virou uma herança genética. Maria Rita, Pedro Mariano e João Marcello Bôscoli também seguiram a carreira musical. Maria Rita, que tinha apenas 4 anos quando a mãe faleceu e também já é mamãe, comandou uma das edições do programa Sai do Chão, na Rede Globo, além de gravar diversos álbuns e sucessos e arrebentar nos palcos. Pedro Mariano é um grande cantor e compositor e João Marcello é produtor musical.

Elis Regina e seus filhos (reprodução: Instagram)

Elis Regina e seus filhos (reprodução: Instagram)

 

 

 

Lembrou de mais exemplos? Deixe aqui nos comentários!

 

F.Gênia